sábado, 21 de janeiro de 2012

ANDEI PENSANDO SOBRE O AMOR...

O amor...

O que é amar?

Acho que passo às margens da resposta se eu entender o amor como um sentimento apenas... Digo isso porque quando dizemos geralmente que amamos algo ou alguém queremos expressar o quanto este objeto de nossa afeição nos faz sentir bem, o quanto nos deixa felizes o termos por perto.
Posso dizer então que, baseado nisso, este amor é um sentimento egoísta - se tomado isoladamente - por ser algo que satisfaz exclusivamente a nós mesmos.

Então o que eu entendo por "amar"?

Entendo por amar algo inverso: é a nossa disposição em ir em direção ao outro e cuidar dele e de suas necessidades, em suprí-lo sem de fato esperar algo em troca.
Amar neste sentido é altruísmo; é sublime, é belo. Este amar é o que pode mudar uma vida, uma história!

Reparem na seguinte frase: "Estou amando". Em inglês posso escrevê-la de forma a diferenciar os dois pontos anteriores em ordem:

1 - "I'm in love"

2 - "I'm loving"

Com isso entendo que quando falo para alguém "eu te amo" expresso meu sentimento por ela; em contrapartida sabemos que amamos de fato quando uma pessoa pensa a meu respeito: "ele me ama!". O quanto amamos de fato não pode ser confessado, somente reconhecido.

Escrevo isso de forma bem resumida pois tudo que escrevo em meu blog não almeja dar uma resposta a qualquer assunto mas um questionamento inicial!

Posso dizer que certamente estou mais empenhado em amar com atitudes do que com palavras.